Lauro de Freitas: Protesto distribui laranjas em ato contra reforma da previdência

Foto: Divulgação / Asprolf

Manifestantes protestaram na manhã desta sexta-feira (22) contra a reforma da previdência em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). O ato faz parte do Dia Nacional de Luta e Mobilização em Defesa da Previdência. Professores ligados ao sindicato da categoria na cidade [Asprolf] distribuíram laranjas no protesto em alusão a supostas ligações do presidente Bolsonaro e do partido dele, PSL, com funcionários e candidaturas falsas. A manifestação também teve apitaço, faixas e panfletos.

Segundo o sindicato, a sociedade civil corre risco de perder direitos, caso a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 06/2019) da Reforma da Previdência seja aprovada. Em nota, a Asprolf declarou que a PEC precariza o trabalho e reduz o valor dos benefícios “ao apontar uma obrigatoriedade de idade mínima (65 anos para homes e 62 anos para mulheres)” além de aumentar o tempo de contribuição de 15 para 20 anos e de retirar Constituição o Sistema de seguridade Social”. A manifestação se concentrou no centro da cidade e foi encerrada por volta das 12h.

Fonte: Bahia Notícias 

Postar um comentário

0 Comentários