Cachoeira: Sindguardas cobra convocação de aprovados em concurso público



Na última quinta-feira, dia 1º, o Sindguardas-BA (Sindicato dos Guardas Civis Municipais do Estado da Bahia), realizou na cidade de Cachoeira, no Recôncavo baiano, uma manifestação em frente a Prefeitura Municipal, cobrando do prefeito Tato Pereira (PSD), a convocação dos aprovados no concurso de 2014. O concurso foi homologado em 15 de fevereiro de 2016, a última convocação foi em 3 de agosto de 2018 até o 18º aprovado, sendo que no edital são 30 vagas e 45 classificados.

Os manifestantes também cobraram melhorias para os guardas que já estão trabalhando, pois, até o momento a gestão municipal não cumpriu a Lei Federal 13.022, que institui o estatuto da Guarda Municipal. Para Marcio Oliveira dos Santos, Coordenador Regional do Sindguardas, os guardas de Cachoeira vêm sofrendo retaliações.


“Não aceitamos assédio moral de prefeito, nem de secretário, nem de comandante de guarda municipal, o comandante tem que entender que o cargo comissionado dele é passageiro e quando o prefeito sair ele sai junto. Prefeito, acorde, a Guarda Municipal está aqui buscando condições dignas de serviço para garantir a segurança dos cidadãos”, disse o sindicalista durante a manifestação em frente da Prefeitura.

Marcio finalizou lembrando que a equipe do sindicato retornará ao município outras vezes até que as reivindicações sejam atendidas, caso contrário levará o caso ao Ministério Público.

Fonte: Tribuna do Recôncavo

Postar um comentário

0 Comentários