Professora de Cruz das Almas tem whatsapp clonado

Foto: Reprodução/Redes Sociais


A professora Mônica Moraes teve o celular clonado nesta sexta-feira-feira (18). Criminosos invadiram a sua conta do WhatsApp e usaram a lista de contatos para pedir dinheiro aos amigos. 

Através das redes sociais, a professora fez uma alerta aos amigos e familiares. "Meu número utilizado a mais de 15 anos foi hackeado, logo se receberem mensagens no meu nome pedindo dinheiro seja lá de qualquer forma deste wastsap nem respondam, bloqueiem. São bandidos!!! Revoltada", escreveu. 

Essa não é a primeira vez que cruzalmense tem  whatsapp clonado. Em agosto deste ano, um servidor da Prefeitura também foi vítima dos criminosos. 

Especialistas pedem que as pessoas tenham cuidado com esse tipo de pedido nas redes sociais. Uma das alternativas para melhorar a segurança é ativar a opção de duas etapas do whatsapp.

A verificação em duas etapas é um recurso opcional no WhatsApp, mas recomendado. Ao ativar, qualquer tentativa de uso do seu número de celular (em outros aparelhos e/ou por terceiros) terá que usar, também, um PIN de seis dígitos.

Veja como ativar

1- Abra o WhatsApp;

2- Toque no menu de três pontos e acesse as “Configurações”;

3- Em “Conta”, escolha “Verificação/Confirmação em duas etapas”;

4- Toque em “Ativar” e escolha uma senha seis dígitos para a conta do WhatsApp;

5- Confirme o seu PIN (digite novamente o seu código pessoal);

6- Informe um endereço de e-mail válido para caso esqueça seu código;

7- Toque em “Avançar”  e confirme seu endereço de e-mail, depois em “Salvar”.

Por: Portal Cruzalmense - Cruz das Almas em primeiro lugar

Postar um comentário

0 Comentários