About Me

header ads

É falso, calendário de vacinação da Covid-19 divulgado nas redes sociais

Foto: Reuters/Michael Weber/Imago Imagens/Direitos reservados

 

Alguns leitores vieram nos questionar sobre a notícia espalhada nas redes sociais que informam que o Ministério da Saúde divulgou o calendário de previsão da vacinação contra a Covid-19 em 2021.

Nas informações repassadas nas redes sociais está indicando que pessoas entre 69 à 71 anos de idade serão vacinadas no dia 27 de março, além de outros grupos e previsão de datas, contudo essa informação já podemos adiantar que é falsa.

A mensagem falsa que circula é esta:

Previsão de vacinação para o Covid 

fonte: Ministério da Saúde.

69 à 71 anos – 27/03

68 à 66 anos – 04/04

65 à 63 anos – 12/04

62 à 60 anos – 20/04

59 à 57 anos – 28/04

56 à 54 anos – 06/05

53 à 51 anos – 14/05

50 à 48 anos – 22/05

47 à 45 anos – 30/05

44 à 42 anos – 07/06

41 à 39 anos – 15/06

38 à 36 anos – 23/06

35 à 33 anos – 01/07

32 à 30 anos – 08/07

29 à 27 anos – 16/07

26 à 24 anos – 24/07

23 à 21 anos – 01/08

20 à 18 anos – 08/08

Uma informação como essa, que coloca a “fonte do Ministério da Saúde” acaba sempre por viralizar, principalmente por informar uma fonte totalmente segura como é o setor governamental responsável pela administração e manutenção da Saúde pública do país.

Seguindo as diretrizes do Plano Nacional de Imunização, os municípios são os responsáveis por determinar o próprio calendário de vacinação, isso acontece devido a falta de uma norma federal que possa definir um calendário de aspecto nacional.

O que já foi publicado pelo Ministério da Saúde foi o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19 ainda em 2020, onde o plano apresentou três fases iniciais de imunização para grupos prioritários.

Logo, a prerrogativa deste calendário acaba sendo falsa pois o calendário divulgado também não considera os grupos prioritários que já foram estipulados pelo Plano nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19.

Para finalizar, quando você receber qualquer tipo de informação como essa, vá atrás da fonte original para verificar se a mensagem é verdadeira ou falsa. Compartilhar uma mensagem como está pode trazer impactos muito prejudiciais a população.

Fonte: Jornal Contábil

Postar um comentário

0 Comentários