Responsável por câmeras de clube onde petista foi assassinado é encontrado morto

Foto: Reprodução

Um dos diretores da Associação Recreativa Esportiva Segurança Física de Itaipu (Aresf), responsável pelas câmeras de segurança do local onde o guarda municipal e tesoureiro do PT Marcelo Arruda foi assassinado, em Foz do Iguaçu (PR), o vigilante Claudinei Coco Esquarcini foi encontrado morto no domingo (17), em Medianeira (PR).

Segundo o portal Metrópoles a informação foi confirmada pela defesa da família de Arruda e pela Polícia Civil do Paraná (PCPR), segundo a qual, a morte se deu por suicídio. Os advogados da vítima acreditam que Claudinei pode ter sido a pessoa que repassou imagens da festa de aniversário do petista com temática do partido para o policial penal federal Jorge José Guaranho, autor do crime.

Ainda de acordo com a publicação, outro vigilante da Aresf, José Augusto Fabri, contou em depoimento à polícia que a permissão para visualizar as câmeras do espaço não era um procedimento comum. Ele também citou Claudinei como responsável pelo acesso às imagens das câmeras de monitoramento. (bahia.ba)

Postar um comentário

0 Comentários