Muritiba: Candidatos a conselheiros tutelares pedem anulação da eleição na justiça

Imagem: Divulgação

Candidatos a conselheiros tutelares da cidade de Muritiba, no Recôncavo Baiano, impetraram com uma ação no Ministério Público e também no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMCDA) pedindo a anulação da eleição de 2019 que ocorreu no domingo (06/10).

De acordo com informações obtidas pelo Diário da Notícia, o pedido de anulação se dá porque duas primas foram eleitas - segundo o Artigo 140 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) é proibido ter parentes trabalhando no mesmo Conselho; falta de urnas no distrito de São José do Itaporã, já que no distrito teve 03 candidatos na disputa e também falta de fiscalização por parte do Ministério Público em todo processo eleitoral.

Fonte: Diário da Notícia 

Postar um comentário

0 Comentários