Municípios de Cachoeira, São Félix e Maragogipe criam comitê para acompanhar estragos das chuvas

Foto: Divulgação

Os municípios de Cachoeira, São Félix e Maragogipe, todos no Recôncavo baiano, criaram um comitê para ações emergenciais de enfrentamento aos estragos das chuvas. Em reunião nesta segunda-feira, dia 27, o comitê declarou que um dos objetivos é buscar diálogo imediato com a Votorantim, responsável pelas operações que envolvem a Barragem de Pedra do Cavalo, e com a Resex (Reserva Marinha Extrativista) da Bacia do Iguape, que é gerida pelo IcmBio [Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade].

Participaram da reunião os prefeitos de São Félix, Alex Aleluia (DEM), e de Maragogipe, Valnício Armede (PSD). Anfitriã do evento, a prefeita de Cachoeira, Eliana Gonzaga (Republicanos), disse também que a meta é acompanhar também a situação dos moradores vulneráveis aos transtornos causados pelos temporais.


“Diante das fortes chuvas que atingiram a Bahia nos últimos dias, e diante das previsões que dão conta da extensão por pelo menos mais dez dias deste fenômeno chuvoso, decidimos, em comum acordo, pela criação do Comitê de Operações Emergenciais do Recôncavo, que tem como objetivo principal acompanhar os danos e prejuízos que estão sendo causados aos moradores das cidades, pescadores, marisqueiros, pequenos agricultores das comunidades ribeirinhas, e comunidades quilombolas dos nossos municípios”, frisou Eliana Gonzaga.

Bahia Noticias

Postar um comentário

0 Comentários